Portal Luis Nassif

Projeto desenvolvido em São Carlos valoriza a tolerância religiosa e atividades sócio-educativas

Do portal São Carlos em Rede


Em setembro do ano 2000, inspirado por documentos como o Manifesto 2000, criado pela UNESCO para incentivar a Cultura de Paz, foi criado na cidade de São Carlos o projeto Homospiritualis. O objetivo do projeto foi o de atuar durante a intitulada Década da Cultura de Paz (2001-2010), promovendo programas sócio-educativos que valorizassem a diversidade cultural e a tolerância religiosa no município. No começo do ano 2001, o projeto foi determinante para a criação do Centro de Estudos e Vivências Cooperativas e para a Paz, que funcionou durante mais de 2 anos na Rua Marechal Deodoro, próximo do teatro municipal de São Carlos. Esse Centro de Estudos mantinha aulas e cursos de Reiki, Tai-Chi-Chuan, Yoga, Danças Circulares, entre outras práticas. Também foi o responsável pela organização do primeiro encontro de educação e cultura para a paz, onde aconteceram cursos de danças circulares focalizados por Irene Cotrin, Jogos Cooperativos com Edinho Paraguassu, entre outros eventos.


Em 2003, o projeto Homospiritualis inseriu a mediunidade como tema de estudos e patrocinou a realização de quatro pesquisas que usaram a mediunidade como heurística, ou seja, como instrumento para coleta de dados. A primeira estudou o funcionamento das terapias espirituais ou bioenergéticas a partir do ponto de vista dos espíritos que se manifestavam através de dois médiuns residentes na cidade de São Carlos. A segunda foi um estudo fenomenológico e de pesquisa-ação sobre os trabalhos de desobsessão que ocorrem em Centros Espíritas, de Umbanda, Universalistas e independentes. O terceiro estudo foi um trabalho de História Oral, entrevistando um espírito que se manifesta como Preto-Velho e que se intitula pai Joaquim de Aruanda. Ele se manifesta através do médium Firmino José Leite, há cerca de 11 anos. O último estudo foi sobre a técnica denominada Apometria, criada em 1965 por um médico espiritista chamado José Lacerda. Todas as pesquisas e outros documentos podem ser acessados em www.scribd.com/homospiritualis.



Em 2010, o projeto Homospiritualis deve finalizar mais uma pesquisa, um estudo de História Oral com médiuns residentes na cidade de São Carlos e região. Até o momento cerca de 20 médiuns já foram entrevistados, desde kardecistas, de umbanda, independentes etc. Um dos depoimentos mais fascinantes é o do senhor RG, cuja mediunidade ostensiva vem desde sua infância. A transcrição de seu depoimento pode ser acessado através deste link:



http://www.scribd.com/doc/22752855/medium-gracas-a-Deus



Em 2003, o Centro de Estudos e Vivência Cooperativas e para a Paz se transformou na ONG Círculo de São Francisco, que inseriu o atendimento mediúnico aos demais trabalhos já oferecidos. Em 2007, a ONG passou por uma reformulação e passou a se chamar Associação Universalista Semeadores da Fé, atendendo o público com trabalhos de Umbanda e de Apometria. No ano anterior, em 2006, o projeto Homospiritualis ajudou na criação da ONG Rosa de Nazaré, que atende com programas sócio-culturais e educativos crianças, jovens, adultos e idosos residentes no bairro Antenor Garcia, um dos mais carentes do município



Em agosto de 2010, o projeto será encerrado, cumprindo sua missão de ajudar a difundir a Cultura de Paz, a diversidade cultural e a tolerância religiosa na cidade de São Carlos.



Até agosto, acontece mensalmente na sede da ONG Rosa de Nazaré, um evento sócio-educativo relacionado com a Cultura de Paz e a aproximação das culturas, tema sugerido pela UNESCO para o ano de 2010. No dia 15 de maio estará se apresentando o grupo Kalamarcay, de São José do Rio Preto, que estuda e difunde a cultura andina. A apresentação será às 15 horas, com entrada franca Até agosto, outros eventos estão pré-agendandos, abordando as artes marciais orientais, os arquétipos afro-brasileiros, a educação em valores humanos proposta por Satia Say Baba, encerrando em agosto com o X encontro ecumênico de educação e cultura para a paz, contando com a presença Luiz Góes e outros convidados, todos estudiosos da vida e obra de Mahatma Gandhi, abordando a doutrina da não-violência através de filmes, teatro e outras linguagens.



Vídeos que difundem a Cultura de Paz e o trabalho do projeto Homospiritualis podem ser acessados no youtube em:



www.youtube.com.br/homospiritualis.




O projeto Homospiritualis atua desde seu início de forma independente, não recebendo dinheiro de religiões ou do poder público. Todo recurso utilizado durante a década da cultura de paz veio de doações espontâneas e contou com o trabalho de voluntários que em nenhum momento foram remunerados materialmente.

Exibições: 235

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2017   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço