Executiva Nacional do partido aprovou moções históricas

Após longas discussões acaloradas, uma decisão foi tomada: o PSDB apoiará, na Câmara e no Senado, o governo da presidenta Dilma.  FHC e Serra foram os principais artífices dessa virada.  Procuraram, pessoalmente, Lula e Marco Aurélio Garcia para, após demoradas conversas no apartamento de Lula em São Bernardo, levarem as instâncias do partido tal proposta, apoiada por maioria esmagadora dos votos da executiva nacional dos tucanos.
O PSDB também aprovou a revisão de suas premissas como o soterramento das idéias neoliberais; a condenação e mea culpa pelas privatizações, principalmente a da Vale, que especificamente se comprometeram a lutar no Congresso pela sua reintegração total ao poder público; decidiram pelo diálogo com os movimentos sociais, principalmente com o MST e já definiram uma instância partidária para isso, a cargo de Álvaro Dias.
Leia a íntegra, clique AQUI>>>

Exibições: 39

Comentário de Francisco José Corrêa em 1 abril 2011 às 12:35
Primeiro de abril? Com a consequente expulsão de FHC e Serra? Revisão de privatizações e diálogo com os movimentos sociais, principalmente o MST? É. É primeiro de abril, com certeza.
Comentário de sonia santana em 1 abril 2011 às 13:14

 HAHAHAHA!!

 

Quase acreditei!!  

1º de ABRIL!!!

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço