Depois de quatro anos de cortinas fechadas, o Teatro Dulcina - um dos mais tradicionais do país - foi devolvido ao público carioca na noite de terça-feira (02/08/2011). E para comemorar a reinauguração, nada melhor que uma homenagem à grande atriz que dá nome ao teatro - Dulcina de Moraes.

 

 

 

A festa foi marcada pela homenagem à atriz Dulcina de Moraes, que comprou o antigo Theatro Regina em 1952, transformando-o também na sede da Fundação Brasileira de Teatro, escola de formação que criara.

"O teatro continuará existindo enquanto houver um ser humano vivo na Terra", escreveu Dulcina. "No palco, sou infinita. Fora dele, um frasco de perfume vazio", declarou numa entrevista.

 

 

Nesta reabertura, o teatro, em estilo art déco e que ganhou 429 novas poltronas, receberá uma programação especial, que vai de "Bibi In Concert IV", este fim de semana, a "Uma Flauta Mágina", do encenador inglês Peter Brook, no início de setembro. Depois disso a ocupação será definida por edital da Funarte. O Dulcina fica na Rua Alcindo Guanabara, colado à Cinelândia e ao Teatro Municipal.

 

 

Nathália Timberg, Bibi Ferreira e Marília Pêra interpretaram Dulcina de Moraes, numa homenagem a atriz

 

Fico super feliz quando fico sabendo da inauguração e/ou reabertura de casas culturais. Viva longa ao Teatro Dulcina!!

 

 

 

 

************

Fonte: Estadão / Cultura

 

************ 

Exibições: 239

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço