Portal Luis Nassif

Santuário e Convento Sto. Antônio é fechado para Temer empossar um daqueles seus assessores

Santuário e Convento Sto. Antônio é fechado para Temer empossar um daqueles seus assessores 

"O presidente Michel Temer deu posse na manhã desta segunda-feira (9) ao novo presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o ex-ministro do Planejamento Dyogo Oliveira. A cerimônia foi realizada na sede do banco estatal no Rio de Janeiro."  (Fonte: Último Segundo - iG ) 

por Raul Longo(*)

Recebi mensagem de áudio do frei dirigente do Santuário e Convento Sto. Antonio, da Ordem Franciscana Secular, Largo da Carioca, Centro do Rio de Janeiro, contando que pela manhã do dia 9 (segunda-feira) o frei guardião, responsável por buscar os ingredientes do desjejum de seus companheiros, encontrou os portões do convento trancados, o que vai contra os preceitos milenares do próprio São Francisco, preceitos estes que mantêm o entendimento de que seus estabelecimentos devem estar permanentemente aberto à entrada de quem deles necessite.

 

Como não foram sequer notificados a respeito do fechamento, o frei guardião procurou a Secretaria de Segurança do BNDES, com sede instalada ao lado e responsável pelo controle dos portões do convento, da qual ouviu a explicação de que os portões foram fechados porque Michel Temer compareceria ali para dar posse ao novo presidente daquele órgão.

 

Depois de uma negociação com o chefe da segurança do BNDES, decidiu-se que se destacaria um vigia, que se postaria num portão lateral para permitir entrada e saída de fiéis, mantendo a tradição por aquela ordem há mais de 8 séculos, quase um milênio.

 

No entanto, logo depois, os clérigos foram informados de que uma contraordem de Brasília, expedida pela Secretária de Segurança da Presidência, proibiu terminantemente a entrada de quem quer que seja. Deu a entender que os próprios frades, se saíssem daquele recinto no dia da posse do presidente do BNDES, só poderiam voltar no dia seguinte.

 

O prior finaliza perguntando se ainda cabe dúvida de vivermos sob uma ditadura até pior do que a militar e recomendando a Temer que faça como Lula: converse com o povo. Cá pra nós, tenho a impressão de que o povo gostaria mesmo de ter Temer perto de suas mãos, braços e pernas.

(*)Raul Longo, pousadeiro,  jornalista, escritor e poeta. Ponta do Sambaqui, Floripa/SC. 

Exibições: 155

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2018   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço