Li meia dúzia de posts sobre os piores livros da década, segundo o londrino The Times, e só no site do próprio vi os melhores.

O melhor: "A Estrada", de Cormac McCarthy, considerado 'uma expressão perfeita dos terrores do início do século XXI'; em segundo lugar: "Persépolis", de Marjane Satrapi, abordando a infância da autora durante a Revolução Islâmica, no Irã; em terceiro, "Dreams Of My Father", título em português: "A Minha Herança", de Barack Obama.

Sobre Obama, o suplemento literário dá conta de que 'não é apenas um político ambicioso, mas também um escritor eloquente e pensador profundo'.

Mas o livro, convém lembrar, é sobre o passado, quando o autor não se confrontava, ainda, com forças nada desprezíveis, à frente o complexo industrial-militar e um batalhão insaciável de CEOs.

De qualquer modo, mais um, com certeza, para a minha pilha de 'a ler'.

Exibições: 28

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço