Portal Luis Nassif

Em latim: Timeo hominem unius libri.
Esta frase de Tomás de Aquino, ao que parece, encerra um elogio ao homem que conhece a fundo um livro só e, com isto, poderia ser um opositor temível. Atualmente, porém, exprime dúvidas sobre a sabedoria de alguém, cujas opiniões e idéias revelam a influência exclusiva de um único autor.
A propósito, no filme "Os sonhadores", de Bertolucci, há uma cena em que um dos personagens, um jovem militante radical, mostra a seu amigo uma foto de milhares de chineses acenando com o "Livro vermelho", de Mao. E, na sequência, pergunta:
- Não achas maravilhoso?! Milhares com um livro na mão!
- Não, pois é o mesmo livro! - responde o amigo.
A frase em outros idiomas:
God deliver me from a man of one book.
Gardez-vous de disputer avec l'homme d'un seul livre.
Dios me libre de hombre de un libro.
Dio mi guardi de chi studia un libro solo.
Gardu vin de tiu, kiu lernas en unu sola libro
(esperanto).

Exibições: 1169

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2017   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço