joão sidney pontes
  • Masculino
  • curitiba-parana
  • Brasil
Compartilhar no Facebook Compartilhar

Amigos de João sidney pontes

  • jose rodrigues da silva
  • Ana Ribeiro
  • Markinho Dutra
  • Aluision Nunes
  • acelia morales
  • maria gorety domingues bernardi
  • Alexandre Camargo Pontes
  • J.AMÉRICO G.Dorneles
  • Alice
  • Eliana
  • Celso Luiz de Azevedo Nobre
  • Vera Lúcia Dunshee de Abranches
  • Marco Antonio Franzmann Schuster
  • L. A. Costa
  • Marise

Grupos de joão sidney pontes

Discussões de joão sidney pontes

SISTEMA UNICAMERAL
41 respostas 

Iniciou esta discussão. Última resposta de Vinicius Gomes de Lima 6 Ago, 2009.

REFORMA POLÍTICA
11 respostas 

Iniciou esta discussão. Última resposta de joão sidney pontes 30 Maio, 2009.

Vetos e Sanções

Started 8 Maio, 2009

Olha Só que Notícia Boa...Comentário no Blog do Senador Paulo Paim
22 respostas 

Iniciou esta discussão. Última resposta de Ivanisa Teitelroit Martins 22 Ago, 2009.

Viver em equilíbrio

DICAS PARA UMA VIDA EQUILIBRADA








Sao 8 perguntas para alcançarmos uma vida equilibrada, vale a pena investir um tempo em sua leitura.
1) Quais as principais reclamações das pessoas no ambiente de trabalho? É a dificuldade em lidar com os colegas, a frustração com o trabalho…? Que mudanças de comportamento podem ajudar?
As principais reclamações são cansaço, fadiga, stress, insatisfação com o trabalho ou função que desempenha, e a dificuldade de conciliar a atividade profissional com a familiar.
2) Fazer diversas tarefas (de pais, de trabalhadores, cuidados com o lar) pode ser cansativo. Como as pessoas podem equilibrar melhor tantas funções?
Nas mulheres esta queixa é mais comum, pois além de ser boa profissional, tem que corresponder as expectativas de ser boa mãe e esposa. Uma das soluções é saber separar as atividades laborais das funções de casa. É importante aprender a dizer não, quando sabemos que não vamos cumprir com excelência ou vá atrapalhar ou prejudicar alguma outra área de nossa vida.
3) Como não levar os problemas pessoais para o trabalho e vice-versa
Neste ponto requer muito equilíbrio entre todas as áreas de sua vida e organização do tempo. Por exemplo, quando termina o trabalho seja às 18 ou 19 hs, ao chegar em casa não devemos mais falar ou pensar no trabalho. Neste momento ela será mãe e esposa. E vice-versa quando chegar ao trabalho.
Temos que encarar as atividades familiares como sendo um compromisso similar ao de trabalho, inclusive de anotar na agenda a hora de ajudar os filhos nas tarefas ou a hora de jantar com o esposo ou esposa.
4) O trabalho voluntário costuma ser indicado para pessoas que querem encontrar novos objetivos. Você concorda? O que dizer para as pessoas que não encontram tempo para isso?
O trabalho voluntário é uma maneira de realização, que inclusive muitas pessoas não encontram em sua atividade laborais. Você aportará o seu talento ou dom sem esperar nada em troca, e este serviço será de coração e espontâneo. É muito importante e recomendável realizar um serviço voluntário em uma causa nobre que tenhas uma identificação. Inclusive, muitas empresas procuram os verdadeiros líderes nestas organizações, pois sabem que se as pessoas seguem o líder sem receber um salário é porque ele deve ter o talento de liderança.
5) Reprimir angústias geralmente traz até problemas de saúde, certo? Mas extravasar demais é o ideal? Qual o ponto de equilíbrio?
Realmente, reprimir angústias e emoções pode gerar doenças psicossomáticas como comprovaram Freud e William Reich.
O ponto de equilíbrio é você identificar o que te incomoda, seja no trabalho, na relação, na família, etc. Identificado este ponto, ou você aceita e relaxa, ou tenda mudar através de ações e conversar com a pessoa envolvida, ou simplesmente se afasta.
Agora, caso precise conversar com alguém, evite fazer de cabeça quente, sempre é melhor deixar a “poeira baixar”, para terem uma comunicação mais clara. Pois o importante é resolver a situação em harmonia, e não simplesmente ter a razão.
6) Novamente, estamos acostumados a ter múltiplas funções, todas importantes (empregado, pai, chefe de família). E, claro, é importante combinar isso com atividades extras, como cursos, aulas de inglês, trabalho voluntário. Até que ponto é saudável se ocupar tanto?
O mais importante é a pessoa identificar suas prioridades. Se algo é importante ou um sonho a ser realizado, vale a pena ir em frente, desde que a pessoa saiba organizar o seu tempo. Pois se a pessoa não sabe se organizar ou assume mais uma responsabilidade sem muito interesse, isto poderá se transformar em mais um motivo de stress, por não estar conseguindo realizar outra atividade.
Equilibrar suas 4 áreas de vida: profissional e física, emocional e familiar, cultural e cursos, espiritual ou serviço voluntário. Pois ao descuidarmos de alguma área de nossa vida, poderemos gerar um desequilíbrio. Por exemplo: Se trabalharmos demasiadamente, como das 8 às 22 hs, estaremos nos descuidando da nossos filhos e companheira (ou companheiro ). Assim, poderemos ter muito sucesso profissional, porém estaremos gerando uma insatisfação em nossa família. Em algum momento isto vai gerar uma crise familiar, que refletirá inclusive em nossa área profissional.
7) Reservar um tempo para o ócio ou para si também é recomendável?
Com certeza isto é fundamental. Devemos equilibrar nosso trabalho, estudo, descanso e tempo livre, para rendermos mais em cada atividade. Inclusive, Domenico de Mais ( escritor Italiano de grande projecao nacional) aconselha as pessoas a trabalharem no máximo de 8 hs diárias, para terem tempo para seus hobbies e descanso, pois nestes momentos que aparecem as melhores idéias e soluções para nossos projetos.
8 ) Pedir ajuda é difícil para algumas pessoas. Qual a orientação que você dá? E para as pessoas que não conseguem dizer “não” e acabam sobrecarregadas com os problemas alheios?
Como mencionamos anteriormente, é importante não assumir com algo que não iremos realizar com excelência. Daí vem a importância de dizer não. Antes de tomarmos qualquer decisão temos que perguntar a nós mesmos: “ Isto está dentro de minhas prioridades?” e “ Realmente isto será feito com gosto ou vai me gerar mais stress?”
Cada pessoa deve ter consciência que é o responsável pela sua saúde e bem-estar. Para obter uma vida equilibrada é importante cultivar boas atitudes como :
- Definir suas prioridades( projeto de vida);
- Equilibrar as 4 áreas pessoais ( profissional e física, emocional e familiar, cultural e cursos, social e comunitária );
- ter uma alimentação natural com boa quantidade de fibras e pouco carboidrato,tomar de 2 a 4 litros de água ao dia, evitar o consumo de álcool, fumo, café, açucar branco;
- pensar positivo, ler livros positivistas;
- praticar atividades de relaxamento;
- participar de seminários e cursos de crescimento pessoal, entre outros.


Sobre o autor
Gabriel Vitola Zanatta é Investidor da Bolsa de Valores (Bovespa) desde o ano de 2001, cursa Gestão Financeira na Universidade Luterana do Brasil, Cursou Jornalismo até o 8a semestre, Diretor Vice-Presidente da Zanatta Participações e Empreendimentos, Sócio Fundador da GWV8 Empreendimentos, Sócio da Corleone Informática, Consultor TOP da Rede Cap Brasil, Presidente do Movimento Grêmio Vencedor, Palestrante e Conferencista de Investimentos, Positivismo e Negócios, você pode ler mais artigos do Gabriel no www.suamente.com.br
——~-~—-~~~—————————~~————————————~
Você pode divulgar este artigo em sua página ou informativo, desde que mantenha o texto intacto, inclua esta nota sobre o autor com os links ativos e esta sentença, e avise-nos quando o artigo for publicado no email webmaster@suamente.com.br.















PLANÊTA VOLUNTÁRIOS









O que surpreende mais: o fato de vivermos em um mundo onde um quarto da população vive em estado de pobreza absoluta? 

Ou o fato de pela primeira vez possuirmos a riqueza, a tecnologia e o conhecimento para criar um mundo livre da pobreza em menos de uma geração?

O desafio do mundo é uma chamada para a ação, uma busca por soluções de assuntos como a pobreza, a fome e a poluição, que são patentes onde vivemos.
A pobreza afeta a vida de 20 milhões de brasileiros. Dentre eles, as crianças, que são perto de um terço do desenvolvimento do mundo. Precisamos alimentar o futuro, melhorar o acesso à educação, desenvolver oportunidades e transformar esta cruel realidade.

Doe uma porção do seu tempo para a caridade e faça parte do time para acabar com a pobreza. Descubra como você, sua empresa ou organização podem fazer a diferença.

Todos serão mais ricos sem a pobreza. Vamos juntos restabelecer a esperança e resgatar a dignidade daqueles que as perderam na injustiça social.


ACESSE AQUI> Planêta Voluntários














 

Eu sou uma pessoa,que luta por justiça e preocupada com os pobres e menos favorecidos que sofrem e passam fome pelo mundo...meu lema,se posso ajudar ótimo...atrapalhar jamais!http://jspontes.blogspot.

Presentes recebidos

Presente

joão sidney pontes ainda não recebeu nenhum presente

Dar um presente para joão sidney pontes

Informações do Perfil

Profissão
Home Work

Slide show

Fotos de joão sidney pontes

  • Adicionar fotos
  • Exibir todos

Blog de João sidney pontes

Microblog Twitter

Postado em 28 maio 2009 às 12:48

Facebook

Postado em 21 abril 2009 às 10:05 — 1 Comentário

Voto Facultativo

Cedido Por: Dr. Zulmir Rasch





Não se sabe ao certo por que razão o voto no Brasil ainda é obrigatório, quando na maioria das democracias representativas o exercício deste direito civil, apesar de importante, é facultativo, cabendo a cada cidadão exercitar o seu livre arbítrio na hora de votar, reservando-se o direito de não comparecer às urnas se não quiser. A essência do voto facultativo é a sua qualidade que o valoriza e pressupõe ampla liberdade do cidadão de votar ou não,… Continuar

Postado em 18 abril 2009 às 2:45 — 1 Comentário

Caixa de Recados (5 comentários)

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Às 0:00 em 5 setembro 2010, Anarquista Lúcida disse...
Oi, Joao

Estou pedindo um favor a meus amigos de Curitiba. Devo passar cerca de 15 dias aí em fevereiro, e preciso de uma recomendação de um hotel nao muito caro mais com conforto razoável (tenho 62 anos...), com mesa de trabalho e Internet, perto da universidade federal. Você poderia me ajudar? Aliás, onde é mesmo a Universidade, na Praça da Reitoria ou na Rua Barao do Rio Branco?
Às 21:18 em 5 maio 2009, Antonio Barbosa Filho disse...
Olá João! Sou jornalista, e criei o grupo "la Pátria Grande", nesta comunidade, para trocarmos idéias sobre Cultura em geral, política, viagens e tudo que se relacione aos países da nossa América Latina. Caso compartilhe desses interesses, convido-o a participar. Um abraço.
Às 0:17 em 28 abril 2009, Alice disse...
obrigada
boa semaninha, abençoda por Deus!!!

bjus
Às 20:20 em 27 abril 2009, Van Luchiari disse...
=)))))
Às 0:55 em 26 abril 2009, J.AMÉRICO G.Dorneles disse...
João ,
Sinceramente,gostei muito deste blog.A qualidade do trabalho do Nassif é inquestionável.
Obrigado pelo convite!
Um abraço,
Dornelles
 
 
 

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço