Portal Luis Nassif

"A Tragédia Carioca" cena baseada em " VESTIDO DE NOIVA " de NELSON RODRIGUES

"A Tragédia Carioca"
cena baseada no espetáculo
" Vestido de Noiva "
de Nelson Rodrigues
Direção: Delcio Marinho Gonçalves
" noiva hesita em ir a sua cerimônia de casamento... veste o vestido como uma mortalha, uma camisa-de-força " DMG

" Astrojildo Pereira chegava a afirmar, em relação a VESTIDO DE NOIVA, que a peça deveria marcar rumos para o Teatro Brasileiro, numa espécie de comentário profético " Dyonysos " Os Comediantes "

Peça escrita em apenas uma semana, em 1941, e encenada dois anos depois, que mudou de fato a vida de NELSON RODRIGUES. Pela primeira vez na História do Teatro Brasileiro, um texto dramático substituía o surrado cenário das comédias de costumes pelo espaço dos planos de realidade, da memória e da alucinação. As inovações de VESTIDO DE NOIVA logo fizeram que ela saltasse do campo restrito do Teatro para outras Artes. Escreveu-se que a dramaturgia ingressava, pela primeira vez, no domínio da literatura.

Seria mais adequado dizer que o TEATRO , com espetáculo, se universalizava `a maneira das outras artes modernas e NELSON RODRIGUES representava para o Palco que trouxeram Villa-Lobos à música, Portinari para a pintura e Carlos Drummond de Andrade para poesia. A dramaturgia Rodriguiana constituiu o mais amplo painel da sociedade urbana brasileira. Por meio de linguagem límpida, sucinta, vibrátil e a capacidade de expor os desejos menos confessáveis de suas personagens, NELSON RODRIGUES abriu caminho para Todos os Autores surgidos nas últimas décadas

Classificação:
  • Atualmente, 5/5 estrelas.

Exibições: 204

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Comentário de Delcio Marinho em 5 novembro 2017 às 19:06

NELSON RODRIGUES na noite de 28 de dezembro de 1943, era apresentada , no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, a sua " Tragédia Carioca " VESTIDO DE NOIVA

Comentário de Delcio Marinho em 8 maio 2017 às 19:17

NELSON FALCÃO RODRIGUES , nasceu em 23 de agosto de 1912, no Recife, Pernambuco, filho de Mario Leite Rodrigues ( jornalista que teve um grande papel na renovação da Imprensa Brasileira ) e de Maria Esther Falcão Rodrigues. Estreou , no jornalismo , aos 13 anos de idade , no diário " A manhã " do seu pai. Sua primeira experiências de imprensa foi a reportagem policial. Aos 14 anos, escreveu o artigo " A Tragédia de Pedra " numa coluna, onde colaborava Monteiro Lobato, Antonio Torres, Agripino Grieco, Humberto Campos, José do Patrocínio Filho, Medeiros de Albuquerque e outros grandes homens literários da época. Em 1929, começou a fazer a crônica de futebol, ao lado de seu irmão Mario Filho. A morte de seu irmão, Roberto Rodrigues, pintor e ilustrador, assassinado aos 23 anos, marcou para sempre a sua obra, sobretudo na parte dramática. Em 1940, ocorreu sua estréia teatral com o drama " A Mulher Sem Pecado ", levada pela Comédia Brasileira do serviço Nacional de Teatro. Na noite de 28 de dezembro de 1943, era apresentada , no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, a sua " Tragédia Carioca " VESTIDO DE NOIVA pelos amadores de " Os Comediantes " , com Cenários de SANTA ROSA e Direção de ZIEMBINSKI

Comentário de Delcio Marinho em 30 maio 2014 às 3:36

 

Comentário de Delcio Marinho em 9 agosto 2013 às 8:32

Comentário de Delcio Marinho em 29 abril 2011 às 6:38
Comentário de Delcio Marinho em 29 abril 2011 às 6:26
Comentário de Delcio Marinho em 29 abril 2011 às 1:15
Comentário de Delcio Marinho em 29 abril 2011 às 1:14

Publicidade

© 2017   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço