Obra: Ouve O Silêncio - Claudio Santoro & Vinicius de Moraes
Piano: Lilian Barretto
Intérprete: Aldo Baldin

'' Cala
Ouve o silêncio
Ouve o silêncio
Que nos fala tristemente
Desse amor que não podemos ter
Não fala
Fala baixinho
Diz bem de leve um segredo
Um verso de esperança em nosso amor
Não, oh, meu amor!
Canta a beleza de viver!
Saúda o sol e a alegria de amar
Em nossa grande solidão ''

* Prelúdios e Canções de Amor - Claudio Santoro & Vinicius de Moraes

** Claudio Santoro -
Manaus, 23/11/1919 - Brasilia, 27/3/1989
Nascido em Manaus, Estado do Amazonas (1919), desembarcou no Rio de Janeiro aos 13 anos de idade para aper­feiçoar-se, após distinguir-se como violinista precoce.
Depois de estudos iniciais, aproxima-se de Koellreutter. Após uma experiência consistente com o dodecafonismo, busca uma estética mais lírica e afinada com os ideais de lutas de classe. Em 1947, vai estudar em Paris, com Nadia Boulanger, e volta em 1950, trabalhando em programas infantis na Rádio Tupi. Os vínculos criados no Exterior sempre o levaram a reger e apresentar novas obras na União Soviética e em outros países europeus. Na década de 60, já atuando na recentemente inaugurada Universidade de Brasília, teve, por diversas circunstâncias, de transferir-se para o Exterior, fixando-se na Alemanha, onde mais tarde tornou-se professor de Regência e Composição na Universidade de Heidelberg, Mannheim. Faleceu em 1989. Santoro foi membro da Academia Brasileira de Música (cadeira nº 21) e de seu vasto catálogo, destacam-se a dodecafônica Música para cordas, os concertos, as 14 sinfonias, a Fantasia para violino e orquestra, Verborgenheit, o Ponteio e as Três abstrações, ambas para cordas, e a Brasiliana, para orquestra.

A Obra de Claudio Santoro: http://www.claudiosantoro.art.br/Santoro/index.html

Classificação:
  • Atualmente, 0/5 estrelas.

Exibições: 71

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço