UNICIRCO MARCOS FROTA na Quinta da Boa Vista RJ

espetáculo TRAPÉZIO o incrível voo dos pássaros
projeto artístico com atitude social
www.unicirco.com.br
Parque Municipal da Quinta da Boa Vista
RIO DE JANEIRO Brasil
@ Clipe Internet Delcio Marinho Gonçalves
riodejaneirocultural@gmail.com.br

Classificação:
  • Atualmente, 5/5 estrelas.

Exibições: 198

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Comentário de Delcio Marinho em 1 novembro 2011 às 1:32
Comentário de Delcio Marinho em 1 novembro 2011 às 1:32
Comentário de Delcio Marinho em 1 novembro 2011 às 1:30
Comentário de Delcio Marinho em 1 novembro 2011 às 1:29

Comentário de Delcio Marinho em 1 novembro 2011 às 1:04

DELCIO MARINHO GONÇALVES

 

Prezado Amigo

 

Primeiramente, os meus cumprimentos e, ao mesmo tempo, os meus votos de Boas Festas e Venturoso 2011, extensivo a todos os seus familiares.

Em recente encontro que tivemos, aí no Rio de Janeiro, quando do lançamento do meu novo livro “Astrojildo Pereira – in Memoriam”, ouvi do amigo a sua grande preocupação com o destino dos circos. Pois bem. Sabemos que os circos perambulam por aí, em busca de espaço e mormente conseguem à custa de inúmeras tentativas e esforços sobrenaturais. Contudo, nem sempre estes locais são apropriados para as suas instalações, gerando uma dificuldade enorme para apresentação de seus artistas e componentes. Sabemos, ainda, que o circo não pode acabar; o espetáculo precisa e deve estar presente em todos os lugares. É uma verdade incontestável, porque representa a grande história cultural do nosso país, sem levar em conta o número de profissionais que lutam pela causa. Ouvi do prezado amigo a sua idéia de buscar, junto às autoridades competentes a iniciativa de reservar espaços para apresentações de circos. Mas este espaço deveria ser de propriedade do poder público, para estas iniciativas. Endosso a idéia e acho que esta fantástica sugestão deveria estar na pauta de Secretários de Cultura, Prefeitos e Governadores, no sentido de viabilizar tal projeto e tornar tudo uma realidade.

Parabéns, meu amigo. Que a sua idéia encontre guarida, são os meus votos e sei que encontrará eco.

 

J. R. GUEDES DE OLIVEIRA

Ensaísta, biógrafo e historiador.

 

Comentário de Delcio Marinho em 1 novembro 2011 às 0:57
" A mobilidade dos CIRCOS , construídos de maneira a poderem deslocar-se de uma cidade em cidade , conduzindo suas coberturas de lona em caminhões, tornou-se responsável , no BRASIL, por uma particularidade até HOJE não estudada: a da DIFUSÃO NACIONAL de um tipo de CULTURA POPULAR especificamente citadina num país de difícil comunicação com o INTERIOR "
José Ramos Tinhorão
 
de UM INSTANTE PRO OUTRO , uma ENORME LONA CHEIA DE CORES, MUITO ALTA, ESTÁ FINCADA .
ARMOU-SE O NOSSO MUNDO DE MAGIA À SUA FRENTE
ESPAÇO PARA O CIRCO
 
Comentário de Delcio Marinho em 1 novembro 2011 às 0:53
Excluir comentário
( ... ) precisamos ter de volta o ESPAÇO que nos tomaram na PRAÇA ONZE. Ali é um ESPAÇO DO CIRCO ... " 
Luís Barroso Pimentel ( Carrapeta )

 Muitas tem sido as dificuldades que , ao longo dos tempos, têm ameaçado comprometer definitivamente a existência do CIRCO no BRASIL. Existindo desde a antiga Grécia e transmitido de geração a geração. O CIRCO teve sua época áurea no país durante as décadas de 30 e final da de 40. Pouco a pouco veio perdendo espaço, basicamente em função do desaparecimento dos médios e pequenos CIRCOS, devorados pelas grandes companhias Circenses - verdadeiras indústrias de diversões, montadas dentro de forte estrutura capitalista, que envolve vultosos investimentos. A concorrência da Televisão, principalmente em locais de baixa renda, a insensibilidade das autoridades, responsáveis pela ARTE e CULTURA que discriminam a atividade circense ( deve ser louvada a criação da Escola Nacional de Circo, em 1982 ) e até mesmo a INEXISTÊNCIA DE GRANDES ÁREAS URBANAS para abrigar uma LONA , tem transformado o CIRCO numa aparição bissexta no BRASIL . A falta de ESPAÇO de CIRCO também passa pela questão econômica . Manifestação Artística que sempre teve uma aliança muito grande com seu público, o CIRCO resolve, por si só, seu problema financeiro, quando INSTALADO EM LOCAL DE FÁCIL ACESSO à População . Com a especulação imobiliária, o CIRCO foi empurrado para regiões distantes, fato que interferiu diretamente em sua rentabilidade. A PRAÇA ONZE não é HOJE uma área destinada ao CIRCO ( como tradicionalmente o foi ), por essa razão e também por ser um espaço extremamente importante do ponto de vista político. Localizado em frente à CENTRAL DO BRASIL, é um terminal do Metrô e de ônibus de toda a zona norte do RIO . Cada vez menos há espaços nos centros das cidades para o CIRCO afixar sua lona. E, condenados a permanecerem somente nas periferias, onde o retorno financeiro é muito pequeno, não conseguem refazer suas bilheterias, o que prejudica a própria atividade Circense, enquanto atividade empresarial. O CIRCO QUER ESPAÇO para armar sua lona e desenvolver seu trabalho, ultimamente muito dificultado por questões burocráticas
 

Comentário de Delcio Marinho em 5 setembro 2011 às 18:59
Comentário de Delcio Marinho em 5 setembro 2011 às 18:58
Comentário de Delcio Marinho em 5 setembro 2011 às 18:56

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço