Soledad, lhe respondo aqui do Fórum, pois não desejo participar dos debates do Mídia, pelas mesmíssimas razões, tão bem exemplificadas, por vc....


Mas, a sua magistral defesa da causa feminina, acalanta o post que havia feito sobre o machismo presente, também, no viés da “intelligenza”, ou pretensa a...

Não consigo acompanhar o Blog do Nassif, por causa dos meus horários, mas, também, porque não consigo abrir as páginas...

Hoje, com agenda + leve, até consegui... mas, foi um “parto” (perdoem a licença poética da ave), já que de MULHERES trato...

Então, quando vi o nível baixérrimo ao qual se refere, e tentei pronunciar-me... a página caia...

Agora, vejo seu pronunciamento & rogo-lhe que o traga para o Fórum...

Não que tenha a acrescentar algo, pois já tinha me manifestado a respeito, e na ocasião, e que percebi foi que não foi muito bem compreendido o que dizia...

Acredito que não o tenha feito com a contundência de sua falas...

Penso que agora, como tudo nesta vidinha-quase-boa, quando nos apertam os calos, conseguimos compreender melhor... somos, então, obrigados a olhar para o espelho, pra remover os calos dos pés & da alma...

Em hora boa; suas falas... pois, penso, conforme comentei em referido Fórum anterior, que estes temas são vistos de maneira folclórica, apenas, no dia 8 de março... (que por sinal está chegando)...

Até quando se irá tampar o sol com a peneira??

Entendo que este tema devesse estar em pauta 24h horas por dia em nossas vidas... inclusive dentro da própria lógica da hegemonia do falo, do MACHO... já que se carrega o próprio germe da destruição, em exercício de poder... ALGUÉM, disse algo, assim, por aí, não é não??? Colhemos o que plantamos...mais cedo, ou mais tarde... somos vítimas de nossa própria intolerância...

Então, que este debate se amplie para todas as muiés por vc. citadas por lá...e a todos que não queiram participar dos tópicos do Mídia...

Só pra ilustrar com mais uma matéria, que rapidamente saiu de pauta, e que pareceu abominável aos olhos desta ave...

Sobre o episódio das modelos italianas que posaram sendo “molestadas” por policiais brasileiros...


Do pouco que li a respeito, se deu foco ao fato de terem “maculado” a imagem da polícia brasileira (assunto que dá panos pra muitas mangas, mas não agora...)

Aliás, cabe mais um parêntese: a questão de que, mais uma vez, a Itália se revela polêmica com este ensaio fotográfico... e, isto dá pra mais mangas...

Mas, o que NÃO foi dito; foi o que esta mensagem de “prazer”, por estarem sendo bulinadas, pelos polícias queria transmitir ao público...

Essa é a idéia de prazer que se veicula ... estimulando o assédio... o estupro???

Digam que esta ave metida a gente entendeu errado... pelo amor às divindades da fertilidade, da terra, do feminino... por amor à Pachamama... não quero ser estuprada pra gozar...

Não importa qual seja a verdadeira face do caso: Paula de Oliveira, como vc. bem o disse, importa a MANEIRA como isto vem sendo tratado...

Os sintomas são claros: persiste o ranço machista, tanto no viés da direita, bem como da esquerda...

Quanto a este episódio: do que se pode comentar (apesar das plumas, também, com ascendência espanhola); que é preocupante o xenofobismo reinante em alguns países na Europa.

Quanto à Suíça, pouco esta ave pode palpitar... ela ainda não andou revoando por lá... mas, Espanha, França, Itália... estes, esta ave viu com os zôios que esta terra há comer...

Alguém, bem disse, por este Portal à fora, mas não lembro o autor... (perdoe-me): estaremos às voltas com mais um “Ovo da Serpente”??


Saudações feminis a todos \♥/

Exibições: 1788

Responder esta

Respostas a este tópico

Luíza Gustavovna Salomé, conhecida como Lou Salomé...
Luiza, que terrível! Nao atinja minha ídala, que eu grito! Isso era um jogo (e de que todos participavam, veja bem). É como uma fantasia erótica. Nessa esfera, todo mundo tem uns 2 parafusos a menos. Até porque ninguém consegue ficar de hora dessas "imagos" que condenamos, mas nao somos assim tao poderosos para vencer de uma hora para outra...; aliás no fundo é disso que estamos todos falando aqui, cada um do seu jeito.
Imagine que tive a intenção de atingir minha xará!

Acho que tanto homens, quanto mulheres são vítimas de um sistema perverso.

E que as mulheres sendo diversas dos homens, assim devem ser tratadas para terem seus direitos atendidos igualitariamente.

O machismo está justamente em nos recusar o direito à diferença, sem que isso represente submissão, discriminação, opressão, preconceito...

Pré-conceito é um instrumento útil à manipulação.
Concordo.
Bjs
AnaLú
AnaLú
,
Sua musa por acaso seria "Liolia Von Salomé" ou Lou Andréa-Salomé.
Foi amiga de Nietzsche, Rilke e Freud ...rrsrs
beijão
Sol
E Tausk, menos conhecido que os outros, mas um grande psicanalista, desbravador da psicose.
Bjs
AnaLú
Bem guardado? Só entre vocês... Qualquer mulher sabe disso, seja lamentando isso, seja se auto-limitando para agradar vocês nisso, seja manipulando vocês com isso... E é uma m. total, porque nós gostamos de grandes homens (pode até ser traço de machismo, mas nao acho; isso deveria ser o normal, querer admirar aquele/a de quem gostamos, e nao só pelo corpo!).

Deixa eu te contar uma historinha. Quando eu tinha 18 anos (há uma enormidade de tempo atrás) havia uma amiga de minha mae a quem eu chamava de tia, que tinha uma filha muito amiga minha. Um engenheiro da Petrobrás de 27 anos, bom partido, se interessou por ela; ela nao quis; veio pro meu lado; eu nao quis. A Tia N. nos passou a maior bronca: "Um rapaz com futuro assegurado, bom moço, o que vocês meninas de hoje querem?" A minha amiga ficou calada, conhecia a mae que tinha; eu disse "Mas ele é muito chato, só fala de carro o tempo todo"; ela me olhou muito séria e disse "Quando eu conheci o A. (marido dela, que era major, naquela época) ele só conversava sobre canhões". Você já imaginou? "Como é mesmo, querido, a diferença do canhao de 22 polegadas para o de 20? Ah, como você é inteligente..."

Por isso eu sempre disse que as feministas foram as primeiras mulheres que respeitaram os homens de verdade, se recusaram a fazer esse tipo de joguinho com eles (porque eram mais independentes e nao precisavam mais...) e os trataram como adultos (que, portanto, teriam que se comportar como adultos, e nao como crianças mimadas e mandonas).

Agora, que é difícil encontrar um homem que consiga gostar de uma mulher autônoma, e, pior ainda, com opinioes próprias, lá isso é... MUITO DIFÍCIL. Sobretudo no Brasil (pode ser um viés da minha experiência pessoal, todos os homens significativos de minha vida foram estrangeiros ou filhos de estrangeiros).

Um beijo
AnaLú
Arkx
As nulheres nunca quiseram um "macho". Elas querem um HOMEM.
Quantos os homens ou mulheres estarem preparados é só lutarem para dar certo.
Arkx, estou casada ha 53 anos. Lindo,não??? Mas difícil. Eu e meu marido somos completamente diferentes nos gostos. A primeira coisa que precisa é muito amor e muito, mas muito respeito de um para com o outro. È aceitar cada um como ele é, sem tentar mudá-los. Ainda mais quando são duas pessoas, como nós, com o gênio meio explosivo. Brigamos muito durante estes anos, mas sempre cuidamos de não causar ofensas que depois seriam dificeis de perdoar. Teve momentos complicados, mas a recompensa é este envelhecer juntos. É olhar para trás e ver que valeu a pena tanta luta.
Por isso acho que todos estão preparados para o desafio. Só é preciso paciência, boa-vontade, e muito amor.
Bjs
Marise,

Parabéns por sua relação, ou melhor, pelo exemplo de vida.
Acho isso lindo. E admirável.
Acordar e olhar o outro e sentir que vale a pena, é tudo.
Reverências por vida afetiva tão longa e rica.

beijo
Sol
Puxa, Marise! Assim você nos mata de inveja (boa inveja; nao a de nao querer que você tenha algo tao maravilhoso, mas vontade de ter isso tb).
Bjs
AnaLú
Ana Lu
Inveja tenho eu de vocês todas.Mulheres inteligentes e que sabem defender seus direitos. Como te disse só tirei o ginásio e tive que ir trabalhar num banco para ajudar em casa. Depois casei e logo vieram os filhos. Fiz a opção de ficar em casa criando meus filhos. Não me arrependo disso, vendo hoje o que eles se tornaram. Mas depois deles criados eu poderia ter voltado a estudar. E e´aí que me arrependo de não ter feito isso. Foi pura acomodação minha.
Mas sempre tentei compensar esta falta de estudos, lendo muito e tentando estar atualizada.
É isso aí. Essa sou eu.
Bjs

RSS

Publicidade

© 2021   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço