Atual Incidência de Câncer em vários Presidentes latino-americanos, que há por trás disto?

Nas décadas de 50, 60 e 70, em pleno tempo das ditaduras na America Latina é sabido hoje que uma grande potência promoveu o aniquilamento de vários presidentes democráticos, utilizando-se de recursos e instituições variadas. Assasinatos e desastres misteriosos aconteceram. E hoje, não custa nada levantar-se uma linha de investigação nos paises desta mesma região, se estas doenças não estão sendo provocadas por meios que a ciência "do mal" certamente hoje dispõe. É muita coincidência e não custa nada que as forças de segurança destes paises se redimam hoje investigando possíveis motivos outros que não a ordem natural das coisas... afinal, o Brasil e a América Latina vão muito bem em um novo patamar de desenvolvimento que feriu e fere os interesses de muitas superpotências hoje na bancarrota.

Exibições: 450

Responder esta

Respostas a este tópico

Realmente é muito câncer para pouco tempo.

Pois é, pena que nem uma utilidade o avanço dessa doença pode ter. Já pensou no uso político que fariam os seguidores desses populistas caso estes batessem as botas. É rezar pra que essa gente se recupere e caia no esquecimento da nação, a exemplo de outros pilantras como João Goulart, Brizola... Não gostaria de ver um oportunista do tipo, sei lá, Fernando Haddad ou Tarso Genro, em comício, parasitando a imagem de um sociopata como o Lula e exaltando as conquistas ilusórias de um governo inepto. 

OFF TOPIC:

Só uma coisa curiosa que acabo de reparar aqui no portal, não sei se você reparou... No banner ao lado, anunciando o blog do Luis "Dinheiro Vivo" Nassif, dá pra perceber que chegaram ao cúmulo do analfabetismo e acentuaram a palavra "economia". Será que é a tal da “notória especialização” que tanto o Nassif apregoa, ou ele só se esqueceu de usar corretor ortográfico?  

É a operação Condor II.
O que há por trás disso?
Coincidências e descuidos com a saude. Nada mais que isso.
A propósito a OMS já alertou que a incidência de câncer no mundo ocidental está em avanço. Portanto...

Nós, pobres mortais, podemos ser otimistas e pensar que é normal. Já uma nação e um continente de há muito considerado subalterno, não. Por via das dúvidas vale investigarl. Mesmo porque nossos serviços de inteligência precisam estar ocupados com alguma coisa para não estar fazendo outras coisas menos edificantes..... rs

Nossos serviços de inteligência são utilizados há muito tempo não como serviços de inteligência mas sim como uma arma política para problemas internos.

Acho que já é tempo para cobrar desses serviços algo mais sério, como por exemplo olhar tudo que vem de fora com olhar crítico.

Poderia contar uma historinha sobre um verdadeiro espião norte-americano que trabalhou no RGS fazendo mapeamento de todos os recursos naturais lá pelas décadas de sessenta e setenta. Achas que em algum momento nossos serviços de inteligência acompanharam isto?

A ideologia ainda dominante era que existiam os mocinhos (norte-americanos) e os bandidos (soviéticos), os soviéticos se foram, restam agora só os mocinhos, logo por esta ideologia não resta mais nada do que descansar.

Vamos cutucar... quem sabe algum dia a coisa muda.

sei lá !!! ?????

Ótima charge, só podia ser do Bessinha do Conversa Afiada...

Eu fico aqui pensando quando e onde deve ter sido feito o processo de contaminação destas personalidades para "adquirem" câncer. Sim, porque se não foi num processo trivial e comum de conduta de vida, por essa análise conspiracionista aí acima tem que ter sido por um oncogene. E dos mais brabos, pois os tipos de doença foram diversos.

Bom, se eles frequentassem um dentista, seria mais fácil. Já soube de casos de se contrair HIV e Hepatite num consultório odontológico. Qualquer agente da CIA treinado é capaz de plantar uma partícula viral nos instrumentos do tira-dentes. Mas, para isso, como disse, é necessário que os personagens frequentem um dentista regularmente, que é para a contaminação ser mais eficaz. Bom, isso é aleatório e não há garantias. Não seria eficaz.

Há uma outra solução. Tingimento de cabelos. Sabe-se que nas fórmulas de corantes capilares há solução de fenol, um potente cancerígeno, o que daria perfeitamente para difundir a doença para todos eles. O problema é que se deve contar com a vaidade dos govenantes. E a gente sabe que o pessoal da esquerda não é assim dado a estes "vícios burgueses".

Alimentação. Taí um troço que todos compartilham, especialmente naqueles regabofes de reuniões de chefes de Estado. É possível, sim, que nestes encontros algum agente da CIA tenha ido até a cozinha e lançado uma poção oncogenética nas lagostas, salmões e saladas napolitanas. Uma gotinha e zás, estaria feito o estrago. Porém, a gente sabe que estômago de político é uma draga. Recebe tudo, não rejeita nada e digere feito um sumidouro. Igual a estômago de urubu. E a quantidade de "toxinas de campanha" das quais eles se alimentam é tão grande que certamente já adquiriam anticorpos o suficiente para engolir e processar qualquer porcaria, incluindo prions, oncogenes e virus da gripe asiática. Não, pela via digestiva, não dá.

Pode ser, então, que o a perverso agente da CIA os tenha contaminado naqueles eventos ao ar livre. É natural que os governantes se assanhem com a população e um aperto de mão mais amistoso, um abraço mais próximo sejam o suficiente para passar a doença de lado a outro. Mas seria um risco para o próprio agente, que deveria esperar a aproximação do dito e relar seu corpo nele. Ou contaminar um popular qualquer, mas correr o risco de diluir a amostra. Não, dessa forma é mais difícil.

É, ficou complicado contaminar os governantes.

Jogar a partícula na água? Não, cai na mesma história da comida. Piadas do Rafinha Bastos? Não isso embota o cérebro, mas não causa câncer (ainda).

Ah, já sei, foram as cinzas do vulcão chileno. Mas é claro. Usa-se aquela máquina que provoca terremotos desenvolvida pela NASA (a mesma que causou os terremotos do Haiti, do Chile e do Japão), abre-se uma fenda na crosta para espargir as lavas, aproveita-se a difusão das cinzas, joga-se as partículas cancerígenas no ar e o serviço está feito. E depois manda a OMS dizer que o câncer está avançando nas Américas. Boa!

RSS

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço