ENEM ou VESTIBULAR? Qual é o mais democrático? (Tópico iniciado em 2009)

Caros amigos,
Lanço um desafio para que todos discutam, o que é mais democrático, o ENEM ou os exames de vestibular para o ingresso nas Universidades Públicas, eu já tenho minha opinião, mas gostaria que alguns de vocês olhassem uma das provas do ENEM, (vide http://www.enem.inep.gov.br/index.php?option=com_content&task=v...) desse a sua opinião e após isto darei minha opinião. Pode ser que seja bem diferente do dito consenso!

Há uma tentativa de continuação em 
https://blogln.ning.com/forum/topics/enem-o-retorno?commentId=21893...

que na~deu em nada.

Exibições: 1813

Responder esta

Respostas a este tópico

Ana Lú

 

como tu falaste talvez fosse importante ressuscitar esta discussão, tive que ir de volta ao passado porque a última entrada foi em março de 2010, logo a quase ano e meio atrás. Já é uma história a discussão já tem dois anos e meio. Será que ela segue? Ou vai ficar no passado de novo?

Podemos ressuscitá-la. Talvez o melhor fosse abrir um novo tópico, com um 2 depois do título, e levar para ele só os comentários essenciais deste, para nao desanimar os novos candidatos a comentar com 14 páginas de comentários já feitos...
Se quiseres fazer uma síntese, faça, te dou toda a autorização da minha parte (que não é lá grande coisa).

Ué, você é o dono do tópico... Ando sem tempo para isso. Quando tiver tempo para desenvolver um tópico, vou sintetizar essa polêmica recente sobre o livro didático, é uma questao que me toca mais de perto.

Abs

 

Não esqueça que sou iletrado.

risos... não, vc sabe fazer conta, lembra?

Agora sem brincar: vou dar uma olhada mesmo sobre as questões, e vou tentar comparar com o vestibular que fiz ano passado pra Fuvest. Não prometo pra já. Mas tá pendurado aqui no meu varal de promessas...

Mário

 

leia as provas que não te arrependerás, e vou te dar uma dica, há várias questões que tem um imenso texto (imenso para a gurizada que já não lê muito) e a resposta está na pergunta. Ou seja, não sei qual a mente perversa que pensa nisto, colocar um texto longo que não serve nem de introdução para a questão.

 

Mais uma vez o famigerado Enem volta aos noticiários. Agora mostrando que a bela Teoria da Resposta ao Item (TRI), desenvolvida por fantásticos pedagogos tem uma pequena falha, a necessidade de vazar as questões antes de realizar a prova.

 

Quando que os burocratas da educação atrás de suas mesas, com inúmeros "papers" que mostram como deve ser feita uma prova correta, avaliando as questões com pesos diferenciados, vão se dar conta que este tipo de prova não pode ser levado por um bando de incompetentes, que não sabem nem como manter o sigilo dentro de quatro paredes.

 

Vamos continuar a cada ano com um escândalo, para até o momento em que trocar o governo se declare o Enem como um instrumento não efetivo em nível nacional!

 

Um dos problemas principais do Enem é que um bom resultado vale aproximadamente R$500.000,00 por aluno (preço das melhores escolas de medicina do Brasil). Ou seja, vendendo a prova por R$150.000,00 para 10 alunos faz a independência econômica de qualquer um que tiver acesso a prova. Quando se dilui isto nas diversas Universidades através do vestibular a prova perde este valor e fica mais fácil a identificação de fraudes.

Chamei atenção no título, que este tópico foi iniciado 2009, mostrando-se cada dia mais procedente. Chamo atenção também que apesar de 2 provas do Enem utilizadas para ingresso em universidades de peso, até hoje não foi feito um cruzamento de resultados entre sucesso no Ingresso em cursos mais demandados (medicina, por exemplo) e nível sócio cultural.

 

Há um discurso teórico que pretende vender a todos que o Enem testaria mais a capacidade dos concursados do que o nível de ensino dos mesmos, isto é uma fantasia, assim como a possibilidade de manter as provas para 5,5 milhões de pessoas sem vazamento nenhum.

RSS

Publicidade

© 2021   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço