Exibições: 1048

Responder esta

Respostas a este tópico

Val,

eu estava pensando em  Augusto de Campos como referência  de tradução,  mas fala-se tanto nas traduções de Borges que ele próprio disse  que o “frequentar” de outros escritores

de outras línguas acabava  engrandecendo culturalmente a  própria língua.  

Dia desses  vi um lançamento  novo com uma nova tradução de Borges , deveria ter anotado porque  não me lembro agora nem a editora nem a poeta , era mulher isso eu me lembro.

Fato é que a poesia não se conclui e as traduções discorrem como se elas não acabacem ali, embora  comodamente a gente acaba por  se apegar  e  apreciar  juntamente um certo  poeta tradutor.

Isso me faz lembrar que quando se fala de  T. S. Eliot, liga-se a Ivan  Junqueira , mas não para ai né?

ADORO ESTES VIDEOS.

RSS

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço