A visita de Bento XVI à Espanha foi marcada por protestos, em função dos elevados gastos financeiros: as despesas teriam se aproximado dos 50 milhões de euros.

Enquanto isso, povos africanos morrem de fome e a própria Espanha mergulha numa crise financeira e convive com aumento do desemprego.

Setores da própria Igreja Católica espanhola também denunciaram o desperdício financeiro.

Outra linha de manifestações se deu contra o que foi chamado de hipocrisia moral do Vaticano.

No domingo, cerca de quatro mil pessoas participaram do protesto contra a visita de Bento XVI no centro de Madri. Destacou-se no grupo a presença de estudantes, gays, lésbicas e transexuais.

Até mesmo alguns padres católicos aderiram aos protestos.

Em sua última visita à Espanha, o papa Bento XVI teria autorizado a arquidiocese católica de Madrid a perdoar as mulheres que tivessem abortado. A condição para que recebessem o “perdão divino”, entretanto, teria sido a participação nas celebrações da visita do papa e a confissão do “crime” a um padre católico.

Para a teóloga Ivone Gebara, a atitude causa constrangimento a muitas mulheres católicas:“A impressão que tivemos é  que o papa, o Vaticano e alguns bispos gostam de brincadeiras de mau gosto com as mulheres. “A impressão que tivemos é que em mundo esses homens vivem, quem pensam que são e quem pensam que somos!”

Para Gebara, entre outras coisas denuncia a “opção de classe” que o Vaticano faz para perdoar quem tem dinheiro: “Concede-se o perdão a quem pode viajar para assistir a missa do papa. (...) Basta ter dinheiro para viajar e pagar a estadia em algum hotel de Madri que o perdão poderá ser alcançado”

Ao conceder o perdão ao "crime" do aborto na linguagem que sempre usaram, de forma elitista revelam o rosto ambíguo da instituição religiosa capaz de ceder ao aparato triunfalista quando sua credibilidade está em jogo.

Podem abençoar tropas para matar inocentes, enviar sacerdotes como capelães militares em guerras sempre sujas, fazer afirmações públicas em defesa da instituição condenando pobres e oprimidas, abrir exceções à regra de seus comportamentos para atrair jovens alienados dos grandes problemas do mundo ao rebanho do Papa.

A lista dos usos e costumes transgressores de suas próprias leis é enorme...

Por que reduzir a vida cristã a pão e circo? Por que dar um espetáculo de magnanimidade em meio a corrupção dos costumes? Por que criar ilusões sobre o perdão quando o dia a dia das mulheres é cheio de perseguições e proibições às suas escolhas e competências?

Creio que mais uma vez somos convocadas/os a expressar publicamente nosso sentimento de repúdio à utilização da vida de tantas mulheres como pretexto de magnanimidade do coração papal.

Somos convidadas/os a tornar pública a corrupção em todas as nossas instituições inclusive naquelas que representam publicamente  crenças religiosas.

 

 

Exibições: 1103

Responder esta

Respostas a este tópico

tô lento teu  topico Euripedes,( anida não terminei.)

recebi esta "perola" e compartilho aqui com os amig@s.

 

 

Quando Deus criou Adão e Eva, disse aos dois:
- Tenho dois presentes para distribuir entre vocês: um é para fazer xixi em pé e...
Adão, ansioso , interrompeu, gritando:
- Eu! Eu! Eu! Eu quero, por favor... Senhor, por favor. Sim, iria me facilitar vida substancialmente!  Por favor! Por favor!
Eva concordou e disse que essas coisas não tinham importância para ela. Então, Deus presenteou Adão, que ficou maravilhado. Gritava de alegria, corria pelo jardim do Éden fazendo xixi em todas as árvores. Correu pela praia fazendo desenhos com seu xixi na areia. Brincava de chafariz. Acendia uma fogueirinha e brincava de bombeiro...
Deus e Eva contemplavam o homem louco de felicidade, até que Eva perguntou a Deus:
- E... Qual é o outro presente, Senhor?
Deus respondeu:
- Cérebro, Eva, o cérebro é seu.

 

 

Isso nao é piada, é aula de História... (rs, rs)

Só agora entendi quando a minha mulher me diz onde anda a minha cabeça.

 O Papa em Cuba.

Que CUBA receba, o Papa..

mas que este não venha ditar regras..

até porque  este senhor.. O papa..

tem muito o que cuidar de sua Igreja...

A Igreja da Hierarquia ( que não foi formada nos princípios dos Evangelhos ,e com sabemos O Cristo nunca fundou Igrejas)

Uma Igreja que , nos perseguem( Teólogos da Libertação e Feminista e Ceb's)

mas que usa de mão de pelúcia para a pedófila e desvios financerios do Vaticano..

Uma Igreja que usa a  sigla SCVStato Città del Vaticano”. As três maiúsculas da designação oficial do país em italiano – estão nas placas de todos os automóveis, em geral carros clássicos, muitos dos quais doação das fábricas de automóveis desse mundão de Deus e por isso mesmo de ótima aparência, sempre em gestos de “captatio benevolentiae” (captação das boas graças) como qualificavam presentes desse tipo, os latinos antigos.

Uma Igreja que , como se designa ESTADO nunca assinou a declaração dos Direitos Humanos..

Uma Igreja, que silencia Jon Sobrino ,por  sua opção pelos pobres ..

Esta Igreja , é que deveria ouvir CUBA e seu exemplo,

Dizem que, em Roma,Não faltavam humoristas entre o povo, sempre prontos para, na passagem de um automóvel desses, tendo presente o fausto das cerimónias vaticanas, ler SCV, em italiano,“Se Cristo Vedesse!...” ou seja: Se Cristo Visse!... cotejando a pobreza do Mestre com a riqueza da instituição que se declara seguidora.

 Ah!!“Se Cristo Vedesse!...”

Falou e disse, Stella. 

RSS

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço