Antes de mais nada, hoje, 16/nov.,  é o aniversário do amigo Fernando Augusto. Portanto este tópico é dedicado a ele, que muitos conhecem das centenas de contribuições no Portal e Blog (e ele usa notas musicais como avatar no brasilianas e tem uma seção de capas de discos no facebook.)

Parabéns, Fernando!

Uma das coisas que mais gostamos de compartilhar com amigos são músicas. Lembro de, quando adolescente, como gostava de convidar amigos pra ouvir um novo LP, para mostrar as novas “descobertas”. Às vezes até algum 78rpm ou 45rpm dos pais. Ou compactos do irmão mais velho. Lembro do hábito de montar fitas (como se fossem nossas trilhas sonoras pessoais, mesmo que gravando com microfone de eletrola!), até para dar de presente também, e da extensão desses costumes ao CD.

(Não lembro de fita de rolo não... É algo que eu só sei que existiu, nunca vi.)

De uns tempos pra cá, principalmente com YouTube mas também por outros meios, ficou muito mais fácil fazer pesquisas, lembrar daquilo que nunca deixamos de gostar. E apresentar algo para os amigos ficou ao alcance de alguns cliques. E há ainda, o que talvez seja mais interessante, a possibilidade de encontrar muitas versões para uma mesma música.

Quantas músicas existem? Ano passado li algo sobre que haveria 13 milhões de faixas diferentes disponíveis na internet, para baixar ou simplesmente ouvir, gratuitamente ou não. Acho muito possível, se pensarmos que em cada disco há umas 10 faixas, há milhares de culturas regionais, traduções, versões ao vivo e tudo o mais. E, seja qual for a estimativa mais precisa, será sempre revista para cima (já vi também 25 ou 30 milhões.) E isso sem contar YT.

Às vezes gostamos muito de uma música e achamos que ela já é conhecida de todos, que já foi muito martelada na mídia, que não vale comentar, etc. Mas não é bem assim. Anteontem, por exemplo, fiquei sabendo que não é todo mundo que conhece “Pof, o Dragão Mágico” com Nara Leão. Pelo menos 3 colegas não conheciam e eu devo ser dos que menos conhece músicas por aqui...

Então, não se acanhem, vamos aproveitar este espaço para apresentar aos amigos e conhecidos tudo aquilo de que gostamos. Quem sabe não chegamos a umas 1000 músicas bacanas?

E, Fernando, fica enfim paga uma dívida de 06-dez-2010, quando eu me ofereci para abrir um tópico só para lembrar de músicas. A música nessa conversa  foi do Raul Seixas, lembra?

https://www.youtube.com/watch?v=ZTHvN3r3thM

Exibições: 1151

Responder esta

Respostas a este tópico

parece bonitão né não? hehe 

e ele nem apareceu.

 

LENA,

 

Mas aquele seu FERNANDO

(época do Sarau de Minas)

não era esse não. Ou sim?

Não Marco, o Fernando Botelho nosso amigo aqui em questão

é outra pessoa, não esteve no sarau de Minas.

Tomara que seja por não ter visto minhas msgs, e não por não ter gostado.

Algumas pessoas não curtem muito comemorar, meu companheiro por exemplo. Já organizei uma festa surpresa pra ele e ele ficou bravo comigo...

Eu sou um pouco diferente nisso rsrs.

Eu na verdade não, Valquiria. Não posso criar expectativas pois para onde vou mudar internet é só por 3G, e sei que dificilmente conseguirei ver Youtube adequadamente. Pode muito bem acontecer de, em breve, eu ler vocês postando coisas e ficar só na inveja...

 

GÜNTER,

 

Não estou entendendo.

Em São Paulo há lugares

em que não se pega Internet?

Aqui em Minas em qualquer

rincão ela está presente.

 

 

Em grande parte do interior não tem cabeamento. Onde vou morar daqui uns meses, um bairro de Vargem Grande Paulista, a 50 km do centro de S.P. não tem nem speedy (telefônica) nem virtua (net) O Luiz ouviu falar que ano que vem a telefônica vai oferecer lá, mas por ora só ficamos chupando o dedo. Com 3G (da Vivo) dá pra trabalhar normalmente, mas não ver coisas que demorem pra carregar. A Oi vai começar a dar cobertura lá, mas é igual a Vivo.

 

GÜNTER,

 

Este é o preço que até hoje

os paulistas estão pagando

pela privatização da antiga

TELESP? Hoje vemos esta

imoralidade dos serviços

da TELEFÔNICA. Vocês aí

péssimos serviços: TELEFONE,

INTERNET, ETC. ETC.

O que vocês, paulistas, estão

esperando que não lincham

os tucanalhas privatistas?

Eu concordo que tudo que é privatizado por aqui é péssimo.

Mas veja, não é por aí o meu problema. É que vou morar quase à beira de uma estrada (felizmente sem pedágio, o que é raro) e a 3 km da padaria mais próxima. As casas ficam a 25 metros uma da outra, nenhuma companhia vai querer cabear.

Mas esses são os únicos problemas de onde vou morar, de resto é uma região muito bonita, acho que vale a pena.

E Com relação ao dito fortes pelo Gunter sinceramente são minha preferência. O Gunter todo sequinho que me perdoe, é bonito de se ver hehe.

mas para abraçar os fortinhos  são os melhores, mais macios quentinhos.

embora Antonio Fagundes é meio demais, meio papado.

hehe

Obrigado, Lena, mas eu não estou mais com 67 kg... Vou voltar a isso, sim, mas agora estou com 80 kg. Talvez isso não se reflita no rosto, fotos mais comuns.

Acho que de sequinho/a a fortinho/a dá pra flexibilizar um pouco...

Bom, proponho trocarmos fotos dele no tópico sobre pães. Pode-se falar do trabalho dele também hehe (Eu sou fã desde o tempo de Morte Acidental de um Anarquista)

Meu contrato é de 5Gigas, não estou gastando porque só estamos usando durante o dia, pra trabalho. Mas vamos morar lá em breve, menos mal que eu gosto de ficar acordado de madrugada. Mas deve dar um ódio se a conexão cai no meio de um baixar...

Agora estou em Sampa, com virtua (ligado a tv a cabo, que não assinamos). Tem funcionado muito bem, vou sentir falta.

Lá TV por assinatura é só Sky. Ou seja, se quisermos ver Record News ou TV Brasil teremos que comprar uma parabólica.

RSS

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço