Álvaro Quintão, presidente do Sindicato dos Advogados do Rio de Janeiro, soltou uma nota de apoio ao CNJ neste episódio do relatório do COAF sobre movimentações financeiras atípicas do Judiciário. Foi comprovado que um único servidor do TRT/RJ, em 2002, movimentou quase R$ 300 milhões. Os advogados querem saber quem fez isso. A nota pode ser lida aqui: http://www.sindicatodosadvogados.com.br/index.php?p=detalhePublicac...

Exibições: 81

Respostas a este tópico

Por esse motivo os servidores que não pertencem à aristrocracia no judiciário federal estão a quase 6 anos sem reposição salarial, ou seja nem a inflação constitucional anual é observada.

RSS

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço