Apenas uma refexão - Medico do SUS recebe R$ 7,50

Hoje ocorre uma paralisação do SUS, pois médicos dizem receber o valor de 7,50 por consulta. Analisando a situação vemos que, um medico faz no dia 30 atendimento e trabalha 22 dias no mês, ficando o total faturado de R$ 4.950,00 reais.

Acredito que o salario seja bom, pois a média de um atendimento é de 10 minutos, caso ele trabalhe cerca de 6 horas em um hospital, o montante de atendimento é de 36 consultas, mais vamos pensar que o montante é de 30 consultas, já que alguns atendimentos precisam de mais tempo para chegar ao resultado.

O que me deixa entristecido é o argumento que os médicos utilizam para justificar a paralisação. Em entrevista ontem pela radio Itatiaia – MG, escutei o seguinte argumento de um medico ou sindicalista.

Diz ele: “A paralisação de 24 horas no atendimento pelo SUS, tem como objetivo uma melhor estrutura dos hospitais, já que o valor que recebemos por consulta é de R$ 2,50 reais”.

O entrevistado utiliza o termo “melhor estrutura” mais o objetivo é o seu salario e não uma melhor organização dos hospitais, ficando essa ideia para segundo plano.

Vejo um individualismo de categoria, esquecendo o real problema dos hospitais. As categorias esquecem que é necessário lutar contra a corrupção, a falta de apoio das mídias em denunciar a corrupção. Também a falta de participação dos sindicatos, mídias, médicos em mostra que o ESTADO é o único responsável pela falta de estrutura da uma sociedade.

Quero saber qual é o valor real que recebe um medico e as horas trabalhadas, pois se o calculo inicial for correto, trabalhar 6 horas para receber 5.000,00 é um salario justo. Quero perguntas, indagações, estou cansado de respostas fáceis.


Tenho refletido e fico em aguardo.

Exibições: 67

Comentário de Oldemar Alves de Souza em 25 outubro 2011 às 18:51

AOS COLEGAS PARA CONHECIMENTO

IDEM AO MINISTÁRIO PÚBLICO SE ALGUÉM SOUBER O CAMINHO E PUDER AJUDAR

O Governo do Estado de São Paulo, através da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo,

pretende passar a Gestão do CAISM da Água Funda “Dr. David Capistrano da Costa Filho”, também conhecido como Hospital da Água Funda, e Hospital Psiquiátrico da Água Funda,

para a UNIFESP.

                                                               OCORRE QUE

Declarado que a Nova Gestão transformará a Unidade em ATENDIMENTO EXCLUSIVO A USUÁRIOS DE ÁLCOOL E DROGAS. Com data marcada para o Inicio da Gestão para 01 de janeiro de 2012.

                                                               CONSIDERANDO

1-      Esta Unidade na atualidade já contempla este Atendimento com um Núcleo de Comorbidade (NC), para atender usuário desta categoria com quadros Psicóticos e Distúrbios Grosseiros de conduta, com risco a si e a terceiros.

2-      Possui um Nucleo de Agudos (NA) para Atendimento a Quadros e Doenças Mentais em Primeira e Segunda Ocorrência, uma vez que estas situações requerem Atenção Especial Diferenciada, para melhor entendimento das Patologias e Orientação Segura por Equipe Multiprofissional Especializada, visando melhor Evolução e Preveção de Novos Surtos.

3-      Possui também um Núcleo de Reagudizados e uma Unidade de Moradias, onde estão alocados Usuários com Patologias Severas de Prognóstico Reservado e Sem Sustentação Social, o que encontra nesta Unidade.

 

CONSIDERANDO AINDA

4-      Que o Hospital Não Possui Capacidade Ociosa – De fácil verificação por Análise de Seus Arquivos –

5-      A Demanda Reprimida por Internação Psiquiátrica – Também de Fácil constatação pelo exame de Boletins de Atendimento dos Prontos-Socorros; estes a cargo da Prefeitura de São Paulo – sem falar nas condições precárias dos Pronto-Socorros que, no mínimo deixam a desejar e Já No Presente, são obrigados a manter em Observação Usuários que aguardam Vagas nos  Hospitais, muitas vezes em Condições Terapêuticas que não seriam desejáveis: Contenção Mecânica no Leito e Maior Aporte Medicamentoso para acompanhamento do Quadro, Enquanto Aguardam Vagas devido as limitações destas estruturas.

CABE ACRESCENTAR QUE

6-      ESTE CAISM FOI O MELHOR DO BRASIL AVALIADO PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE. POR SEU EXCELENTE TRABALHO PRESTADO AOS USUÁRIOS. E prossegue aprimorando seu Nível de Atendimento.

7-      O Núcleo de Agudos referido no item 2 é INOVAÇÃO DESTA UNIDADE tendo sido implantado em função do Claro Interesse desta Unidade em prestar Atendimento

Condizente com parâmetros Técnicos, Éticos e Humanitários. 

 

Não seria o caso da PROMOTORIA ATUAR?  

1-      Exigir do Estado de São Paulo a procura de outro Local para exclusivo Atendimento a “Álcool e Drogas” que NÃO DESMANTELE SERVIÇOS QUE ESTÃO FUNCIONANDO COM EFICÊNCIA, uma vez que as Internações Psiquiátricas; por mais lamentáveis que sejam; ainda são um RECURSO INDISPENSÁVEL, e como tal, de Prática Universal, inclusive em Países de Primeiro Mundo.

2-      E que a citada Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo encaminhe a esta Promotoria um Plano Detalhado, das Providências com que pretende implantar novo Atendimento a “Alcool e drogas” para que de modo nenhum seja prejudicado o Atendimento às Internações Psiquiátricas simplesmente sobrecarregando os Prontos –Socorros com Prejuízo da População, nem afetem Usuários de Moradias Terapêuticas, mantendo a Dignidade de que desfrutam nestas Unidades.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço