Como explicar?... Se com a ocorrência do Lá Nina... É de pouca ‘Chuvas... Para o Sul.. E Sudeste..

 
Como explicar?...
Se com a ocorrência do Lá Nina...
É de pouca ‘Chuvas...
Para o Sul.. E Sudeste..

http://somarmeteorologia.com.br/security/defesa_civil/clima3.php

RESUMO:

La Niña fraco já influencia a atmosfera e prosseguirá até pelo menos meados do verão.

ANÁLISE:

A temperatura do oceano Pacífico equatorial encontra-se mais baixa que o normal nas porções central e leste desde agosto. Pela primeira vez, a Agência Americana de Meteorologia e Oceanografia (NOAA) em seu boletim de novembro afirma que houve acoplamento entre oceano e atmosfera tropical, ou seja, a atmosfera começou a responder ao resfriamento. Isto também vem sendo observado no Brasil.

A chuva irregular em outubro no Sudeste e Centro-Oeste aconteceu pelo escoamento zonal da corrente de jato, situação normalmente vista em períodos de La Niña. Além disso, a Região Sul enfrentou temperaturas baixas, típicas de Pacífico frio, e que não eram vistas há pelo menos sete anos.

De acordo com simulação da NOAA, o fraco fenômeno La Niña prosseguirá até aproximadamente o trimestre fevereiro-março-abril, de 2018... Quando posteriormente retornará uma neutralidade.

Entretanto, é possível que o término do fenômeno aconteça um pouco antes, já que o ápice do frio na área leste do Pacífico acontecerá no início de janeiro de 2018... Poderemos registrar um aquecimento mais rápido que as simulações indicam neste momento em toda a porção equatorial do oceano.

Além de tudo, o mais importante: este La Niña acontecerá concomitantemente com a Oscilação Decadal do Pacífico negativa. Isto quer dizer que nem todos os efeitos característicos do La Niña aparecerão nos próximos meses. Um dos efeitos é a formação de Zona de Convergência do Atlântico Sul com chuva forte e persistente entre as Regiões Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Nordeste e estiagens na Região Sul. Simulações americanas como o CCM3 e CFSv2, no entanto, indicam chuva abaixo da média para o bimestre dezembro-janeiro no Rio de Janeiro, Espírito Santo, leste e norte de Minas Gerais, nordeste de Goiás, sudeste de Tocantins e em boa parte do Nordeste.

A precipitação acima da média acontecerá no sul e oeste do Brasil alcançando boa parte da Região Sul. Nos últimos anos, tem sido recorrente a posição da chuva mais ao sul e oeste que o normal. E, aparentemente, no verão 2017-2018, a situação não será muito diferente, pelo menos até o mês de janeiro.

Fonte:
Somarmeteorologia.

Resumo da Ópera:
Segundo essa ‘Modelagem Gráfica da Somar meteorologia(http://somarmeteorologia.com.br/security/defesa_civil/clima3.php).

Vem mostrar...Que a ‘Quadra Chuvosa’...Do (Ano-2018)...Vai ser indubitavelmente mais(+) outro(Ano-2018)... ‘Seco’!...No Semiárido do Nordeste do Brasil.

Enfim, todas as temperaturas superficiais do Atlântico Sul(de Janeiro-2018 a Maio-2018)...

Janeiro/2018

  Fevereiro/2018

Março/2018

Abril/2018

Maio/2018

Estão com 'Dipolo Negativo...Ou seja, as águas estão 'Frias'...

Em suma, é importante abordar... Que o Calor oriundo do interior do ‘Magma da Terra’...É ‘Vetor’ determinante do Clima da Terra...Um exemplo ‘Palpável’ disto...Até mesmo em ano ‘Lá Nina...O circulo Polar Artigo...E Antártico...Ficam com ‘Anomalias Positivas’...Ou seja, as suas Águas de seus mares...E oceanos...Ficam com ‘Temperaturas Quentes’...Então diante disto...Como explicar isto?...’Se’ as Temperaturas ambientais...Do ‘Pólo Artigo’...E do ‘Pólo Antártico’...São ‘Bem abaixo de ‘Zero Graus Celsius’?...

Enfim, diante disto...
Relaciono aqui...
Alguns vídeos de Pedro Severino de Sousa...
E tire a suas dúvidas:

AS CAUSAS DO CLIMA DA TERRA E DOS FURACOES
https://www.youtube.com/watch?v=zEguRkc5DX0


A DEGRADAÇÃO AMBIENTAL NO MUNDO, POR PEDRO SEVERINO
https://www.youtube.com/watch?v=bHRj05ry9v8


Pedro Fala Sobre Crise Hidrica no Semi Árido para 2017
https://www.youtube.com/watch?v=mgnv7DVzKA4




Do Escritor,
Pedro Severino de Sousa.
João Pessoa(PB), 18.11.2017

Exibições: 110

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2020   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço