Não basta que os espectadores fiquem apenas refletindo sobre opressão. É preciso agir! Assumir seu papel no mundo como cidadão, colocar-se dentro da ação e transformar o que o desagrada.

O Teatro Invisível poderia ser o primeiro passo para que o espectador notasse a opressão que sofre, que está ao seu redor e a partir de um primeiro ato, poder repensar todos os seus demais atos sobre o assunto.

O Teatro-Invisível, que não é revelado como teatro e é realizado no local onde a situação encenada deveria acontecer, surgiu como resposta à impossibilidade, ditada pelo autoritarismo, de fazer teatro dentro do teatro, na Argentina durante o exílio de Augusto Boal. Uma cena do cotidiano é encenada e apresentada no local onde poderia ter acontecido, sem que se identifique como evento teatral. Desta forma, os espectadores são reais participantes, reagindo e opinando espontaneamente à discussão provocada pela encenação.

A proposta do curso oferecido pelo Centro de Teatro do Oprimido é que os participantes possam conhecer e vivenciar essa técnica do Teatro do Oprimido, partindo para uma experiência prática após o trabalho desenvolvido.

Período: 26 a 28 de Outubro (Sexta, Sábado e Domingo)

Horário: Sexta: 18 as 22hrs| Sáb e Dom: 10 as 18hrs

Informações e inscrições: (21) 2215-0503 | 2232-5825| moniquerodrigues@ctorio.org.br

Fonte: http://ctorio.org.br/novosite/

Exibições: 90

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço