Joinville - Estação Ferroviária - - História e fotos

Joinville - Estação Ferroviária - - História e fotos -
Restaurada em 2007, a Estação Ferroviária de Joinville é um belíssimo espaço, fiel à época em que foi construída, 1906, pelo então presidente Afonso Pena. Atualmente conhecida como Estação da Memória, o espaço fornece cultura, turismo e lazer para a cidade, com exposições sobre a história joinvilense.


Antiga Estação Ferroviária, agora Estação da Memória - Joinville - SC

Horário especial de início e fim de ano. Fechado nos dias 25 e 26 de dezembro e 1° e 2 de janeiro. Aberto de 20 de dezembro a 2 de fevereiro com horário especial de terça a sexta-feira, das 12 às 18 horas, e nos sábados, domingos e feriados, das 12 às 20 horas.

Fundada em 1906, a antiga Estação Ferroviária de Joinville foi desativada em 1996. Com as reformas concluídas em abril de 2008, a construção se transformou em um espaço cultural administrado pela Fundação Cultural de Joinville.

O local possui auditório para exibição de filmes, bares, cafeterias, lojas e uma área de exposições, no momento ocupada com uma mostra sobre a história da Estação Ferroviária de Joinville.
O Museu da Bicicleta funciona em um galpão em anexo.



Estação ferroviária de Joinville, construída em 1910

Estação ferroviária de Joinville, Santa Catarina

Em 1851, com a chegada dos imigrantes alemães, suíços e noruegueses, surgiu a Colônia Dona Francisca.

Um ano depois, passou a chamar-se Joinville, em homenagem ao príncipe de Joinville, François Ferdinand Philipe, filho do rei francês Louis Philipe.

O príncipe cedeu à colônia a maior parte do dote recebido em 1843, quando casou com a princesa Francisca Carolina, irmã do imperador D. Pedro II.

Ainda hoje Joinville é conhecida como a Cidade dos Príncipes. Sua origem européia ficou marcada não só na arquitetura em estilo enxaimel.

Chamada também de cidade das bicicletas, Joinville atrai turistas de todo o país com sua Festa das Flores e o Festival de Dança.



...
HISTÓRICO DA ESTAÇÃO:

A estação de Joinville foi construída junto à cidade, segundo contam, por exigência da própria cidade. Por isso a linha faz uma grande curva para o norte e depois retorma o sul no sentido de São Francisco do Sul.

A inauguração da estação ocorreu em 1906, (uns dão a data de 29 de julho, outros de 8 de agosto) quando o trecho Joinville-São Francisco do Sul foi terminado, tendo sido posto em operação apenas em 1909, quando o trecho foi prolongado até Hansa (hoje Corupá).

A RVPSC dava como data oficial de inauguração o dia 01.06.1910. Em 1917, o prédio foi ampliado. Depois de mais de noventa anos de serviços à cidade, até 1996, quando foi fechada pela RFFSA, a estação, em estilo alemão, foi abandonada, com as composições da ALL, atual concessionária que utiliza a linha, passando de/para o porto de São Francisco do Sul.

Em 1999, foi comprada pela prefeitura municipal da cidade, e transformada em "ícone turístico".

O prédio da estação esteve totalmente abandonado, servindo como moradia de mendigos, traficantes, pombos e cupins por muito anos, mas no final de 2003 começou a ser finalmente restaurado. Ao seu lado, o armazém de cargas, construído em 1947, abriga o Museu da Bicicleta.

O antigo armazém de 1910 era de madeira e não existe mais. No pátio ainda existem outros prédios e casas, com diversos usos, muitos irregulares.

Exibições: 2242

Comentário de Laércio Beckhauser em 19 agosto 2009 às 17:56
Em 1999, foi comprada pela prefeitura municipal da cidade, e transformada em "ícone turístico".


O Museu da Bicicleta funciona em um galpão em anexo.

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço