fonte: Flávio Gomes

Foto enviada pelo Twitter. Se alguém souber quem é o autor, avise que coloco o crédito aqui, claro.

SÃO PAULO (aplausos de pé) – Ricardo Boechat, âncora da Bandnews FM e da TV Bandeirantes, fez um desabafo histórico na rádio, ontem, sobre o caso Pinheirinho. Ouçam aqui. Se não abrir, tem aqui também. Aproveitem, neste último link, para ler os comentários nazistas de alguns moradores de São José, que deixam qualquer ser humano decente deprimido.

Impecável. Boechat é o maior jornalista do Brasil hoje. Corajoso, sincero, honesto. Que não teme sequer eventuais represálias de sua empresa, conhecidíssima por lamber o saco dos governos paulistas há anos e por suas posições conservadoras e anacrônicas (quem já ouviu os patéticos editorias da Rádio Bandeirantes sabe do que estou falando; aliás, trabalhei lá quatro anos e sei como é). Justiça se faça à emissora, porém, no caso específico de Boechat. Acompanho seu trabalho quase diariamente e ele aparentemente tem liberdade para se expressar como bem entende. Não trabalharia na casa, se fosse diferente.

Boechat diz com todas as letras ao governador do Estado, sobre a falácia da adorável frase “decisão judicial não se discute, se cumpre”: “Não cumpra, governador”.

Ouçam, mas ouçam mesmo. Uma aula de dignidade e um murro na cara da imprensa em geral, que vem escondendo muita coisa por preguiça, ou má-fé. E também na cara de tanta gente que se manifestou de forma deprimente nos comentários dos últimos posts. Sejam corajosos e ouçam. E aqueles que forem capazes de discordar de uma vírgula sequer devem se olhar no espelho e procurar entender quando foi que viraram monstros.

Exibições: 79

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço