Eu vi na “CartaCapital” dessa semana uma matéria do Pedro Alexandre Sanches com os blogueiros que fazem uma “share” musical pela rede disponibilizando jóias da música universal para muitos, o que as gravadoras- proprietárias das faixas- sempre fazem para poucos.
Ainda não li a matéria inteira. Só passei os olhos, mas pelo que eu interpretei, uma tal de APCM(Associação de Produtores e Criadores de Música), dirigida por um ex-delegado(Tudo a ver!), anda por aí ameaçando e fazendo tudo para tirar do ar os sites que compartilham música pela Internet.
Eu, blogueiro e na rede há nove anos, vou dizer uma coisa: tive a pachorra de passar quase toda a minha discoteca de vinil para MP3(detenho tecnologia para isso) e, caso apareça alguém querendo trocar algo, estou a disposição. Dentre faixas escolhidas e transcrições integrais, acumulei 16 giga de material bom. Tenho raridades como “Postal do Amor”(Fagner & Ney Matogrosso), “Jurubeba”(Gil & Jorge Benjor), “Jack o Estripador”(Made in Brazil na versão estúdio) e uma caracada de material internacional de primeiríssima qualidade.
Resumindo a ópera bufa: quero mais que essa tal de APCM se dane! Mudando de assunto, montei um CDDA(Cd de Áudio) com 21 faixas, que faz parte do catálogo da minha gravadora – a RRUB@RRUB@RECORDS , que leva o título “60 min. De MPB contemporânea”, com 21 faixas e que traz o que eu considero existir de melhor no que já foi feito em matéria de música Brasileira. O repertório do mesmo vai abaixo:
1 – Boca Livre – Quem tem a viola
2 - Zé Ramalho – Avohai
3 – Boca Livre – Toada
4 – Cláudio Nucci – Amor Aventureiro
5 – João Bosco – Nação
6 – Moraes Moreira – Se Você Pensa( a do Rei Roberto! Ela mesmo!)
7 – Os Cariocas – Ela é Carioca( a melhor faixa do período áureo da Bossa Nova)
8 – Rita Lee – Barriga da Mamãe
9 – Paulinho da Viola & Toots Thielemans – Como um Ladrão
10 – Rita Lee – Desculpe o Auê
11 – Som Imaginário – Nepal
12 – Elis Regina – Madalena( A primeira vez que eu ouvi, fiquei parado, totalmente besta!)
13 – Tim Maia – Leva( toda vez que eu ouço, eu choro)
14 – Gilberto Gil – Back in Bahia
15 – Secos & Molhados – Sangue Latino
16 – Heróis da Resistência – Só pro meu Prazer
17 – Made in Brazil – Banheiro
18 – Titãs – Televisão
19 – Gilberto Gil & Jorge Benjor – Jurubeba( esse lp nunca saiu)
20 – Gilberto Gil & Mutantes – Rock Santeiro( com Liminha, Serginho e Rui Motta)
21 – Dalto – Muito Estranho( o compacto recorde de vendas na história da MPB)
Não admito discussões. Não coloquei nenhuma faixa antes de 62 porque a Indútsria do Disco no Brasil até aquele ano era um Lixo. As condições técnicas eram péssimas, o corte uma lástima e a prensagem um demérito. Para se ter uma idéia, “Clube da Esquina número 1” foi gravado, já nos anos 70, em dois canais!
Se alguém quiser complementar algo ou pedir uma cópia, mande uma mensagem para luizsergio1@terra.com.br .

Exibições: 59

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço