Nos antigos navios, o ninho de corvo era simplesmente um barril ou uma cesta amarrada ao mastro mais alto. Acomodava um vigia com o encargo de ver, a olho nu ou com o uso de uma luneta, o que acontecia em alto mar. Mais tarde, passou a ser uma plataforma especialmente projetada com grade de proteção. 
Foi o melhor recurso para esse fim até a invenção do radar.
A tripulação do Titanic poderia ter visto o iceberg, se não fosse por um de seus oficiais. David Blair foi substituído e levou consigo a chave da sala (isto é, do "ninho do corvo") onde ficavam todos os binóculos.

Exibições: 43

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço