Ao descrever um dos mais sórdidos personagens da literatura universal, Nikolai Stavógrin, no livro "Os demônios", Editora 34, tradução (magnífica) de Paulo Bezerra, pág. 666, Fiódor Dostoiévski usou estas palavras:
"Não era da vileza que eu gostava... Gostava do êxtase que me vinha da angustiante consciência da baixeza". 

https://blogdopg.blogspot.com/2019/09/o-sadismo-cotidiano.html

Exibições: 46

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2021   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço