ONG alerta que prefeitura "mente descaradamente" sobre estrutura de lazer na cidade, utilizando recursos públicos

São Paulo – Anúncio da prefeitura de São Paulo que convida turistas para “renovar as energias”, na cidade, e  relaciona ciclofaixas de lazer que funcionam em domingos e feriados como ciclovias causou indignação ao coordenador da Secretaria Executiva da Rede Nossa São Paulo, Mauricio Broinizi Pereira. Propaganda despas particulares, no mesmo material, também foi alvo de crítica do ativista. "Propaganda oficial da Prefeitura de São Paulo mente descaradamente", dispara.

O material publicitário foi publicado no jornal Folha de S. Paulo de quarta-feira (14) e ocupou aproximadamente 20 x 30 cm, em meio a propagandas de hospitais privados. No anúncio, a Prefeitura da capital paulista destaca: “Dezenas de parques, 45 km de ciclovias e centenas de spas. São Paulo é grande até nas pequenas coisas da vida.” O texto explica ainda: “Cada vez mais, quem vive ou vem a São Paulo descobre lugares diferentes para relaxar e cuidar do seu bem-estar. Nenhuma cidade tem tantos parques e ciclovias. O maior deles, o do Ibirapuera, está interligado a 3 outros parques em 45 km de ciclovias. Além disso, a cidade tem os maiores e melhores spas do Brasil. Venha renovar as energias, venha para São Paulo”, pontua o material publicitário.

Para Pereira, a publicação realizada com dinheiro público pela Prefeitura em conjunto com a SPTuris - autarquia responsável pelos projetos públicos e parcerias com entidades privadas no setor -, mentiu ao transformar ciclofaixas de final de semana em ciclovias de uso permanente. “Em primeiro lugar, a tal ciclovia é, na verdade, uma ciclofaixa que funciona unicamente aos domingos e feriados, entre 7h e 16h”, explica.

Outro erro, analisa, é considerar que “nenhuma cidade tem tantos parques e ciclovias”. “É uma verdadeira sandice diante da realidade de tantas outras cidades do Brasil e do mundo que são incomparavelmente servidas de parques e ciclovias.” Segundo Pereira, esse tipo de afirmação da Prefeitura significa “tratar os paulistanos (e os desavisados turistas) como idiotas, e de forma oficial e criminosa!”.

“São Paulo é o terceiro mundo em ciclovias”, relata Marco Nordi, um dos coordenadores do Grupo de Trabalho de Mobilidade Urbana da Rede Nossa São Paulo. “As pessoas não podem usar a ciclofaixa de lazer de segunda a sexta-feira, porque passam carros no lugar. É uma mentira o que a Prefeitura cita”, diz.

A qualidade dos spas é o único ponto em que o dirigente da Nossa São Paulo menciona, ironicamente, concordar com a Prefeitura. "Os spas realmente são os maiores e melhores do Brasil", brinca. “Pudera, com boa parte dos gestores públicos e dos políticos que tem, a cidade precisa mesmo de grandes e bons spas.” 

Mas, ele não deixa de criticar o uso de dinheiro público para promover spas privados. “Melhor seria investir em spaspúblicos, posto que, sem dúvida, a maioria da população é que realmente necessita amenizar o sofrimento cotidiano proporcionado pela má gestão da cidade”.

http://www.redebrasilatual.com.br/temas/cidades/2011/09/propaganda-...

Exibições: 28

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2022   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço