TRIBUTO AO MAESTRO VILÔ E SEMINÁRIO DE CARNAVAL 2009

Viva! Viva... Vilô...!


Nascido em Serra Branca, Vilô veio a este mundo com uma enorme carga genética musical. Filho de músico, sobrinho de músico, irmão de músicos. Gerou músicos.

Paradoxalmente ingressou de forma tardia na música.

Antes foi vendedor de tecidos.

Seu sonho tecido na infância: o saxofone.

Senhor de si, já adulto, foi comprar o instrumento desejado.

O dinheiro não deu.

O Trompete era mais barato.

Mudou de paixão.

Talvez por isso, promiscuiu-se musicalmente dentro da orquestra.

Amante voluptuoso de todos os naipes, não transformou-se em curinga...

“Vira, vira, vira, virou...”

Virou maestro Vilô!

Antes da batuta, tocou na Banda da Polícia Militar e na Orquestra da Rádio Tabajara.

A passos largos e passos de frevo, criou sua orquestra e nos áureos tempos de carnaval de clube, comandou por 24 anos seguidos a folia no Cabo Branco. Foi seu maestro exclusivo nos tríduos momescos. Tocou também, em outras ocasiões, no Astrea. Em Recife, várias vezes, foi maestro convidado dos clubes Português e Internacional.

Com 5 Lps, seu primeiro Cd foi lançado postumamente semana passada no SESC.

“40 anos de frevo” é uma bela homenagem do seu filho e herdeiro musical Maestro Marcelo Vilor. O CD está sendo vendido a 10 reais. Informe-se pelo fone 3242 0718.

Ainda em fase de acabamento, vi um vídeo produzido por Adeildo Vieira e dirigido por Adilson Luís, que deveria ser divulgado nas escolas. Nossas crianças precisam conhecer o frevo.

Nossos programadores musicais também.

Voltando ao CD “40 anos de frevo”, seu mentor, o maestro Marcelo Vilor uniu bons arranjos, bons músicos e belas vozes. Homenageou também autores como Benedito Honório e Livardo Alves e não esqueceu dos novos, como Bombinha que em “Passo sem passo” canta: “Carnaval sem frevo o que é? - É um vilô nos acuda”.

Sábia letra.

Vilô, nos acuda! Viva, Vilô...!


http://esquinarumbera.blogspot.com do companheiro Osvaldo Travassos , que aceitou meu convite para ver e viver VILÕ em TRIBUTO

O lançamento do documentário “Vilô”, produzido pelo jornalista e compositor Adeildo Vieira e do CD “ Vilô, 40 Anos de Frevo”, farão parte das homenagens do Tributo ao Maestro Vilô, que será realizado no período de 27 a 29 deste mês, no SESC/Centro. O maestro, que tanto alegrou os carnavais da Paraíba, em especial João Pessoa, com a sua apoteótica “Orquestra de Vilô”, será o grande eixo das discussões de um Seminário, que nos três dias, reunirá personalidades dos setores afins, para discutir caminhos melhores e mais produtivos para o carnaval da Capital. As noites do tributo serão envolvidas por muito frevo e alegorias. As homenagens serão abertas com uma Sessão Especial na Câmara Municipal, no próximo dia 26, a partir das 15 horas.



SEMINÁRIO DE CARNAVAL

hora : 15:00hs às 18;00hs
local : SESC - Centro - João Pessoa - PB
data: 27, 28, 29 de maio 2009

LANÇAMENTO DO CD VILÕ 40 ANOS

HORA: 19;00HS
local : SESC - Centro - João Pessoa - PB
data: 27, 28, 29, de maio 2009


PRODUÇÃO COLETIVA:

ADELDO VIEIRA - 8813.1608
EDNAMAY CIRILO - 8862.6826
GILSON RENATO - 8823.2727
GLAUCIA LIMA - 8670.8666
KENNEDY COSTA - 8823.0198 e 9305.9821
MANA JORNALISTA - 8887.2006
MARCELO VILÔ - 8823.0198
NARA LIMEIRA - 8858.0189

Exibições: 336

Comentário de Ednamay Cirilo Leite em 22 maio 2009 às 12:12



Ednamay por Ceres Leão nos CEM ANOS DE FREVO - 2007

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2021   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço