Na Grã-Bretanha, a morte do carrasco William Marwood, em setembro de 1883, provocou uma enxurrada de candidatos a seu cargo. O que se segue foi extraído das cartas de apresentação que esses entusiasmados candidatos redigiram.

"Estimado senhor, estou aqui fora esperando com um rolo de corda e o ânimo de quem deseja lhe oferecer uma demonstração pessoal do meu método."

"Não hesitaria em dependurar irmãos ou irmãs, e ainda terceiros, fazendo isso sem mostrar temor nem favor."

"Já presenciei execuções em todos os países, portanto não há risco de que eu desmaie no momento crucial."

"Por ser um barbeiro de ofício, tenho acumulado grande experiência sobre a conformação dos pescoços das pessoas e suas respirações."

"Caro senhor, anseio em ser um verdugo público, um cargo para o qual estou me apresentando. Tenho trinta anos e gostaria de enforcar um ou dois biltres, gratuitamente."

"Em diversas ocasiões, eu já realizei com êxito experiências na arte de enforcar (em modelos de tamanho natural), a fim de me aperfeiçoar devidamente na tarefa de despachar criminosos."


Trinta postulantes foram chamados para as entrevistas e apresentaram-se dezessete. Os oficiais de justiça de Old Bailey escolheram o mineiro Bartholomew Binns. O novo carrasco fez como pôde os quatro primeiros enforcamentos, mas foi despedido porque chegou embriagado ao quinto.
Depois disso, Binns passou a ganhar a vida nas feiras da região, demonstrando em bonecos de cera a destreza adquirida na ex-profissão.

Traduzido do blog Exapamicron.

Blog EntreMentes

Exibições: 40

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2021   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço