De Que Te Queixas Língua Importuna? (Ária IV) & Arde O Velho Barril (Ária VII) - Marília Vargas

Compositor Português: Marcos Portugal (1762-1830)
Letra: Tomás Antônio Gonzaga - Marília De Dirceu
Desenho Masculino: Tomás Antônio Gonzaga
Obras: De Que Te Queixas (Ária IV) & Arde O Velho Barril (Ária VII)
Intérprete: Marília Vargas
Pianoforte: Rosana Lanzelotte
Direção Musical e Flautas: Ricardo Kanji
Viola de Arame: Guilherme de Camargo
Violoncelo Barroco: Maria Alice Brandão
MUSICA BRASILIS: http://www.musicabrasilis.org.br/

'' De que te queixas,
Língua importuna?
De que a fortuna
Roubar-te queira
O que te deu?
Este foi sempre
O gênio seu.
Levou, Marília,
A ímpia sorte
Catões à morte;
Nem sepultura
Lhes concedeu.
Este foi sempre
O gênio seu... ''

'' Arde o velho barril, arde a cabeça,
Em honra de João na larga rua;
O crédulo mortal agora indaga
Qual seja a sorte sua.
Mas, ah! em bem me lembre: eu tenho ouvido
Que na boca um bochecho d'água tome,
E atrás de qualquer porta atento esteja,
Até ouvir um nome.
Que o nome que primeiro ouvir, é esse
O nome que há de ter a minha amada.
Pode verdade ser; se for mentira,
Também não custa nada. ''

* Tomás Antônio Gonzaga (Miragaia, Porto, 11 de agosto de 1744 — Ilha de Moçambique, 1810), cujo nome arcádico é Dirceu, foi um jurista, poeta e ativista político luso-brasileiro. Considerado o mais proeminente dos poetas árcades, é ainda hoje estudado em escolas e universidades por seu "Marília de Dirceu" (versos notadamente árcades feitos para sua amada).

Ele nasceu em Miragaia, freguesia da cidade portuguesa do Porto, em prédio hoje devidamente assinalado. Era filho de mãe portuguesa (de ascendência inglesa, Tomásia Isabel Clarque) e pai nordestino(João Bernardo Gonzaga).[1] Órfão de mãe no primeiro ano de vida, mudou-se com o pai, magistrado brasileiro para Pernambuco em 1751 depois para a Bahia, onde estudou no Colégio dos Jesuítas. Em 1761, voltou a Portugal para cursar Direito na Universidade de Coimbra, tornando-se bacharel em Leis em 1768. Com intenção de lecionar naquela universidade, escreveu a tese Tratado de Direito Natural, no qual enfocava o tema sob o ponto de vista tomista, mas depois trocou as pretensões ao magistério superior pela magistratura...

Leia mais sobre Gonzaga: http://pt.wikipedia.org/wiki/Tom%C3%A1s_Ant%C3%B4nio_Gonzaga

Classificação:
  • Atualmente, 0/5 estrelas.

Exibições: 84

Comentar

Você precisa ser um membro de Portal Luis Nassif para adicionar comentários!

Entrar em Portal Luis Nassif

Publicidade

© 2019   Criado por Luis Nassif.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço